Startup da Nova Zelândia desenvolve serviço de eletricidade sem fio

Financiada pelo governo local, a startup neozelandesa Emrod está trabalhando para tornar viável a distribuição de eletricidade sem fio. O serviço, que deve ser expandido nos próximos anos, já foi testado e funcionou para pequenas distâncias. 

O “Wi-Fi” de eletricidade precisa ser transmitido por um caminho linear e sem obstáculos. A tecnologia se baseia na irradiação de ondas eletromagnéticas entre um ponto e outro. Essas ondas são emitidas por um elemento quadrado que substitui os cabos de eletricidade nos postes, e transformadas em energia elétrica com o auxílio de um dispositivo chamado retena, uma espécie de antena retificadora utilizada em transmissões via ondas de rádio

Leia mais em: https://olhardigital.com.br/noticia/startup-da-nova-zelandia-desenvolve-servico-de-eletricidade-sem-fio/104805

fonte: Olhar Digital